Concurso

2 de Julho

Conheça a história e a importância do dia 2 de julho para a Bahia e para o Brasil

A maioria dos baianos sabe que o dia 2 de julho é feriado no estado e maioria dos brasileiros desconhece totalmente. Mas e quanto à importância histórica dessa data? A história da Independência começa a ganhar força no início de 1822, com o desejo da Bahia de romper com a coroa, quando o rei de Portugal, D. João VI, tira o brasileiro Manoel Guimarães do comando de Salvador, colocando o general português Madeira de Melo no cargo. Com isso, ele queria reforçar o poder da Coroa sobre os baianos, mas a população não aceita pacificamente.

Portugueses matam a freira Joana Angélica

Os baianos vão às ruas para protestar e entram em confronto com os soldados portugueses. Na busca pelos rebelados, que teriam se escondido no Convento da Lapa, os portugueses matam a freira Joana Angélica. Os brasileiros que queriam a independência não se acovardaram. Meses depois, em 12 de junho, a Câmara de Salvador tenta romper com a coroa portuguesa.

O general Madeira de Melo coloca as tropas nas ruas e impede a sessão. Dois dias depois, em Santo Amaro, os vereadores declaram D. Pedro o defensor perpétuo do Brasil independente, o que significa não obedecer mais ao rei de Portugal.

No dia 25 de junho é a vez da Vila de Cachoeira romper com a Coroa portuguesa. Outras vilas seguem o exemplo. Cachoeira se torna quartel general das tropas libertadoras. Voluntários surgem de várias partes.

Maria Quitéria

Os vaqueiros da cidade de Pedrão, comandados pelo padre Brayner, ficaram conhecidos pela bravura – armas de caça da Caatinga se transformaram em arma de guerra. Entre os voluntários, se destaca Maria Quitéria, que se vestiu de homem e lutou como soldado contra o domínio português. Na ilha de Itaparica, a defesa foi feita por pescadores armados de facões e garruchas. Em São Paulo, D. Pedro declara independência em 7 de setembro, mas na Bahia os portugueses resistem.

Canhões de Fortes da Baía de Todos os Santos são roubados para armar a improvisada frota de saveiros, que enfrentaram a esquadra de Portugal. D. Pedro I envia tropas comandadas pelo general Labatut e naus comandadas por Lo Cotrem, mas é o exército de voluntários que luta em batalhas secretas. A pior delas: a de Pirajá.

Cercados por terra e mar, os portugueses ficam acuados em Salvador. Decidem então abandonar a cidade e fogem por mar, na madrugada do dia 2 de julho de 1823. Pela manhã, o exército brasileiro entra vitorioso na cidade.

O Monumento ao 2 de Julho
O Monumento ao Dois de Julho no Largo do Campo Grande, foi inaugurado em 1895, nas comemorações dessa data, 23 anos após os primeiros estudos para a sua execução.
De estética neoclássica, é um dos mais belos monumentos já construídos na América. Todo o conjunto foi esculpido, na Itália, em bronze, ferro fundido e mármore de Carrara.
>O Recôncavo Baiano foi o grande palco da Guerra de Independência do Brasil. Uma análise histórica mostra que, vencendo na Bahia, os portugueses seguiriam para dominar o resto do País. Assim, o Dois de Julho, quando o exército brasileiro entrou vitorioso em Salvador, foi uma data decisiva para a conquista da Independência.
>A história desse magnífico monumento começou em 1872, quando o Presidente da Bahia nomeou, por ato de 31 de outubro daquele ano, uma comissão, presidida pelo Barão de Cotegipe, para dirigir os trabalhos para sua execução. A presidência dessa comissão foi assumida depois por Manoel Victorino, que foi senador e vice-presidente da República. Teve a participação do Governo da Província, da Assembleia Legislativa e da
Câmara Municipal.

Foi esculpido na Itália, pelo artista italiano Carlo Nicoliy Manfredi, vice-cônsul do Brasil, em Carrara. Outros artistas italianos também colaboraram. A montagem coube ao engenheiro Antonio Augusto Machado.
Tem 25,86 metros de altura e, na época, era o monumento mais alto da América do Sul. Sua coluna é de bronze, em estilo coríntio, sobre um pedestal de mármore de Carrara.
No topo, a escultura de um caboclo, com 4,1 metros, armado de lança e arco e flecha, representa a identidade do povo brasileiro que lutou pela Independência. Ele mata um dragão, seguro ao seus pés, que representa a tirania portuguesa. Esse tema foi o mesmo usado no antigo monumento ao Dois de Julho, instalado na Praça da Piedade, em 1856, atualmente, nos Aflitos.
Na parte alta do pedestal figuram, de um lado, a escultura de uma mulher representando a Bahia e, do outro, a escultura de Catharina Paraguaçu, com o lema Independência ou Morte, em seu escudo.
Em um patamar médio do pedestal, esculturas representam os rios São Francisco e Paraguaçu. Águias e leões compõem alegorias que representam liberdade e república.
Embaixo, oito candelabros, de sete metros, adaptados para iluminação a gás, são do artista italiano Giuseppe Michelucci (1834-1910), fundidos, em 1891, em Pistóia, na Itália.
Os mosaicos, com referências a eventos da História do Brasil, foram feitos em Pietrasanta, na Itália. As águias foram fundidas em Roma.

 

 

_______________________________________________________________________________________

Regulamento

Concurso 2 de Julho 2021

Dias 03 e 04 de julho

Liga de Amadores Brasileiros de Rádio Emissão – LABRE-BA

Presidente LABRE BA: PY6MV – Marcone Cerqueira
Coordenação: PY6AHX – Moacyr Paim
Colaboradores: PY6UL – Teles, PR7AB – Junior e PY4WAS – Edinho
Assessoria especial: W3KM – Dave Mascaro

 

  1. Sobre o Concurso

O Concurso 2 de Julho de âmbito nacional é realizado anualmente no primeiro final de semana completo do mês de julho, patrocinado pela LABRE-BA, tendo como objetivo a confraternização e o aprimoramento da técnica operacional entre os radioamadores brasileiros e seus equipamentos, e faz parte das comemorações cívicas que marcam a data da entrada das forças libertadoras brasileiras em Salvador, em 1823, que é considerado o verdadeiro momento da Independência brasileira.

  1. Data:
  • Início: – 15:00h (PT2) de 03 julho de 2021 –  Sábado
  • Fim: –   18:00h (PT2) de 04 julho de 2021- Domingo
  1. Categorias
  • Em todas as categorias é permitido apenas um (1) único transmissor simultaneamente.
  • Radioamadores concorrem em sua respectiva Classe (A, B ou C) e nas categorias abaixo.
  • Não existe categoria de OPERADOR MÚLTIPLO
    • Operador único, todas as bandas – Classe A, B ou C
    • QRP até 5 W;
    • LOW POWER: até 100 Watts;
    • HIGH POWER: acima de 100 Watts
  1. Modo
    • FONIA
    • CW
    • AMBOS
  1.  Banda
  • Serão utilizadas as faixas de 80, 40, 20, 15 e 10 Metros respeitando o plano de faixas da cada banda e as bandas autorizadas para cada Classe.
    OBS: Incentivamos o competidor a  operar em todas as bandas que lhe são permitidas para a sua Classe
  1. Chamada
    • CW: “CQ TEST”
    • FONIA: “CQ  CONCURSO 2 DE JULHO”
  1. Mensagens
    • RS (T) + UF
    • Exemplo: 59 BA ou 599 BA
    • Estações QRP em FONIA deverão mencionar as letras QRP ao invés da UF
    • Exemplo: 59 QRP
    • Estações QRP em CW deverão transmitir QRP ao invés da UF
    • Exemplo: 599 QRP
  1. Pontuação
    • QSOs em 80 e 40 metros = 10 Pontos
    • QSOs em 15 e 10 metros = 5 pontos
    • QSOs em 20 metros = 3 pontos
    • QSOs com estações QRP em qualquer banda = 10 ponto
      OBS.: A pontuação final é obtida pela soma dos pontos dos QSO confirmados, multiplicada pela soma do total de multiplicadores confirmados.
  1. Multiplicadores

Os diferentes estados (UF) brasileiros (ver tabela) e as Ilhas Brasileiras (Arquipélago de Fernando de Noronha; Penedos de São Pedro e São Paulo; Ilha de Trindade; Atol das Rocas; Ilhas de Martim Vaz) e Região Antártica Brasileira, valendo uma vez em cada banda diferente trabalhada e confirmada.

Unidades Federativas:

Estado      UF
Acre AC
Alagoas AL
Amapá AP
Amazonas AM
Bahia BA
Ceará CE
Distrito Federal DF
Espírito Santo ES
Goiás GO
Maranhão MA
Mato Grosso MT
Mato Grosso do Sul MS
Minas Gerais MG
Pará PA
Paraíba PB
Paraná PR
Pernambuco PE
Piauí PI
Rio de Janeiro RJ
Rio Grande de Sul RS
Rondônia RO
Rio Grande do Norte RN
Roraima RR
Santa Catarina SC
São Paulo SP
Sergipe SE
Tocantins TO
Fernando de Noronha PY0F
Rochedo São Pedro e São Paulo PY0S
Arquipélago Trindade e Martins Vaz PY0T

 

  1. Premiação
    • Placa para o 1º colocado em cada categoria, desde que haja pelo menos 5 participantes na categoria:
      QRP – FONIA, CW ou AMBOS
      LOW POWER – FONIA, CW ou AMBOS
      HIGH POWER – FONIA, CW ou AMBOS
    • Todos os participantes poderão baixar o seu Diploma digital que será disponibilizado em formato digital, após a divulgação do resultado final, no site: www.labre-ba.org.br
  1. Logs e Resultados
    • Os log deverão ser enviados no formato ”CABRILLO 3.0” e com QTR PT2 para facilitar a apuração;
    • Os logs serão recebidos até o 30º dia após o Concurso via e-mail labreba@labre-ba.org.br
    • O nome do arquivo deve ser, “INDICATIVO.log”, exemplos: PU6XXX.LOG, PY6XX.LOG ou PY6XXX.LOG;
    • Sugerimos fortemente a utilização do software N1MM (clique para download)
    • Baixe aqui (2dejulho.rar) os arquivos e as instruções para configuração o N1MM;
    • Veja as instruções de configuração clicando aqui
    • O resultado provisório será divulgado em até 90 dias após o Concurso e o resultado final em até 120 dias;
    • O arquivo no formato Cabrillo ou em formato texto deve ser enviado no conforme informações e exemplo abaixo. Arquivos gerados automaticamente pelo N1MM já são gerados neste formato.

Exemplo de formatação do LOG

Os campos em vermelho são obrigatórios e variam de acordo com a opção do participante
Os campos em preto também são obrigatórios e podem ser repetidas as informações abaixo

Obs: a partir da linha QSO os campos serão:
QRG = frequência do QSO
MO = modalidade PH para fonia ou CW para CW
DATA = no formato YYYY-MM-DD
QTR = hora PT2 do QSO sem separação entre hora e minuto
IND 1 = indicativo do participante
RS = sinal enviado
IND 2 – indicativo da estação contatada
RS = sinal enviado
UF = UF da estação trabalhada
A última linha deverá ser END-OF-LOG

  1. Penalidades
    • Anotação incorreta do Indicativo: perda de QSO para ambos;
    • Duplicação de QSO: não há penalidade mas apenas um QSO será validado;
    • Divergência de banda: perda do QSO para ambos;
    • Indicativos presentes em apenas 01 (um) único Log serão denominados UNIQUES e considerados como erros de registro de QSO, desde que não tenham enviado o LOG de participação;
    • Somente operadores devidamente habilitados, de acordo com a regulamentação brasileira, podem participar como operadores respeitando as limitações de sua classe;
    • Além das penalidades acima, a violação das regras do Concurso ou da legislação nacional sobre radioamadorismo ou ainda conduta antidesportiva podem levar a uma ação de desclassificação ou reclassificação para checklog.
  1. Regras Gerais
    • Deverão ser respeitadas as limitações legais de sua licença e as Regulamentações do radioamadorismo nacional;
    • A LABRE-BA tornará público todos os logs recebidos com o objetivo de mostrar transparência do Concurso;
    • O recebimento do log é confirmado pela publicação na página “logs recebidos” no site www.labre-ba.org.br
    • Os logs divulgados terão apenas os respectivos indicativos. Todas as demais informações serão removidas dessa lita, para proteger a privacidade dos participantes;
    • Recomendamos NÃO DELETAR QSO DUPE, caso o mesmo venha a constar no seu log;
    • Os logs publicados serão utilizados no processo de apuração do Concurso.
    • Obs. O horário do QSO que irá constar no log do N1MM estará em formato UTC e não deve ser alterado. O programa apurador está configurado para considerar esse horário (+ 3 horas do horário PT2).
      Portanto, basta manter o horário do PC normal e não alterar o log do N1MM.
  1. Declaração
    Ao enviar seu log de participação no Concurso 2 de Julho o participante declara que:

    • Leu e entendeu as regras do Concurso, operando de acordo com as mesmas;
    • Operou de acordo com todas as regras e regulamentos do radioamadorismo nacional;
    • Concorda que o seu log pode ser aberto ao público;
    • Concorda que todas as ações e decisões da Comissão Organizadora do Concurso 2 de Julho são oficiais e finais.
  1. Recursos/Denúncias
    • Recursos e Denúncias, serão aceitos (as) até 72 h após divulgação do resultado provisório, através do e-mail: labreba@labre-ba.org.br
    • Não será aceito pedido de correção de log que possa alterar a classificação do concorrente ou do seu clube, após a divulgação do resultado provisório, salvo se for comprovado que houve falha da Comissão de Apuração.

Acompanhe as últimas informações no site da LABRE-BA

Boa sorte

Comissão Organizadora do Concurso 2 de Julho.

 

 

 

Faça o download do arquivo de configuração do
Concurso 2 de Julho para o N1MM

2dejulho.rar

Para download do N1MM clique no logo abaixo
https://n1mmwp.hamdocs.com/downloads/#elf_l1_UHJvZ3JhbSBGaWxlcw

Baixe tutoriais nos links abaixo

Instruções para configuração do N1MM para o
Concurso 2  de Julho

Tutorial do N1MM PY5XD

Tutorial do N1MM – site ECRA